quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Orar para desejar, perceber e cumprir a vontade de Deus

Segundo o Papa Francisco, na homilia da Casa de Santa Marta, em 27 de Janeiro de 2015, há que rezar a Deus, pedindo para que desejemos a vontade de Deus, para que a percebamos e para que consigamos cumpri-la.


terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Um coração igual ao de Jesus

"Para superar a indiferença e as nossas pretensões de omnipotência, gostaria de pedir a todos para viverem este tempo de Quaresma como um percurso de formação do coração, a que nos convidava Bento XVI (Carta enc. Deus caritas est, 31*).
Ter um coração misericordioso não significa ter um coração débil. Quem quer ser misericordioso precisa de um coração forte, firme, fechado ao tentador mas aberto a Deus;
um coração que se deixe impregnar pelo Espírito e levar pelos caminhos do amor que conduzem aos irmãos e irmãs;
no fundo, um coração pobre, isto é, que conhece as suas limitações e se gasta pelo outro.
Por isso, amados irmãos e irmãs, nesta Quaresma desejo rezar convosco a Cristo: «Fac cor nostrum secundum cor tuum – Fazei o nosso coração semelhante ao vosso» (Súplica das Ladainhas ao Sagrado Coração de Jesus).
Teremos assim um coração forte e misericordioso, vigilante e generoso, que não se deixa fechar em si mesmo."
 
Mensagem para a Quaresma de 2015
Papa Francisco
 
*" a « formação do coração »: é preciso levá-los àquele encontro com Deus em Cristo que neles suscite o amor e abra o seu íntimo ao outro de tal modo que, para eles, o amor do próximo já não seja um mandamento por assim dizer imposto de fora, mas uma consequência resultante da sua fé que se torna operativa pelo amor (cf. Gal 5, 6)".

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Suportaí-vos uns aos outros

Segunda Leitura (Cl 3,12-21)
Leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses:
Irmãos:
12Vós sois amados por Deus, sois os seus santos eleitos.
Por isso, revesti-vos de sincera misericórdia, bondade, humildade, mansidão e paciência,
13suportando-vos uns aos outros e perdoando-vos mutuamente, se um tiver queixa contra o outro. Como o Senhor vos perdoou, assim perdoai vós também. 14Mas, sobretudo, amai-vos uns aos outros, pois o amor é o vínculo da perfeição.
15Que a paz reine em vossos corações, à qual fostes chamados como membros de um só corpo. E sede agradecidos.
16Que a palavra de Cristo, com toda a sua riqueza, habite em vós. (....)
17Tudo o que fizerdes, em palavras ou obras, seja feito em nome do Senhor Jesus Cristo. Por meio dele dai graças a Deus, o Pai.
(...)
19Maridos, amai vossas esposas e não sejais grosseiros com elas. 

Oferecer sacrifícios pelos pecados


"1Todo sumo sacerdote é tirado do meio dos homens e instituído em favor dos homens nas coisas que se referem a Deus, para oferecer dons e sacrifícios pelos pecados. 
2Sabe ter compaixão dos que estão na ignorância e no erro, porque ele mesmo está cercado de fraqueza.
3Por isso, deve oferecer sacrifícios tanto pelos pecados do povo, como pelos seus próprios"
Hebreus 5, 1-10.
S.Paulo

O melhor jejum

O melhor jejum é o jejum do pecado, o jejum da falta de atenção e à falta de ternura dos da nossa própria casa

Uma âncora inabalável e segura

 
"Irmãos: Deus não é injusto.
Ele não pode esquecer o vosso trabalho e o amor que mostrastes pelo seu nome, colocando-vos ao serviço dos santos, no passado e no presente.
Desejamos, porém, que cada um de vós mostre o mesmo zelo, mantendo intacta a sua esperança até ao fim, de modo que não vos torneis tíbios, mas imiteis aqueles que, pela fé e pela esperança, se tornam herdeiros dos bens prometidos.
(....)  é impossível Deus mentir, nós temos um forte incentivo para nos refugiarmos firmemente na esperança proposta. Nela tem a nossa alma uma âncora inabalável e segura, que penetra para além do véu, onde entrou Jesus como nosso precursor, constituído sumo sacerdote para sempre segundo a ordem de Melquisedec".
 
S.Paulo. Carta aos Hebreus 6,10-20

domingo, 18 de janeiro de 2015

Deus pôs em meus lábios um cântico novo

Salmos 40,2.4ab.7-8a.8b-9.10.

"Esperei no Senhor com toda a confiança e Ele atendeu-me.
Pôs em meus lábios um cântico novo, um hino de louvor ao nosso Deus. Não Vos agradaram sacrifícios nem oblações, mas abristes-me os ouvidos; não pedistes holocaustos nem expiações, então clamei: "Aqui estou".
De mim está escrito no livro da Lei que faça a vossa vontade.
Assim o quero, ó meu Deus, a vossa lei está no meu coração.
Proclamei a justiça na grande assembleia, não fechei os meus lábios, Senhor, bem o sabeis."

Não pertenceis a vós mesmos !

"Não pertenceis a vós mesmos, porque fostes resgatados por grande preço: glorificai a Deus no vosso corpo".

S.Paulo
1 Cor. 6,13c-15a.17-20

Nunca deixem de ser namorados do(a)s esposo(a)s

«Recomendo-vos que, à noite, quando fizerem o exame de consciência, façam também esta pergunta: "Hoje sonhei com o futuro dos meus filhos?"
"Hoje sonhei com o amor do meu esposo ou da minha esposa? Com os meus pais e os meus avós?" Não percam a capacidade de sonhar na família.»
«Quantas dificuldades na vida do matrimónio se resolvem se reservamos um pouco de tempo para refletir, se paramos e pensamos no outro, se sonhamos com as coisas boas que tem. «Nunca deixem de ser namorados.»
 
Papa Francisco 17-1-2015
Encontro com as Famílias nas Filipinas

Pelo sinal da Santa Cruz

Nas tentações grande ou pequenas do dia a dia, há sempre um recurso que podemos utilizar que é tão simples e que nos atualiza tão bem a força de Deus junto de nós

"Pelo sinal da Santa Cruz, livre-nos Deus, Nosso Senhor, dos nossos inimigos"
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Que cruz e que ressurreição ?

Na tentação ou na luta nas pequenas coisas, aceito a Cruz com Cristo que leva sempre à Ressurreição ?

Ou

Fujo da Cruz em troca de um céu aparente e de uma ressurreição fugaz mas que me leva depois à pior das cruzes sem Cristo?

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

A razão ajuda a fé e a fé ilumina a razão

"Partindo verdadeiramente da natureza íntima da fé cristã e, ao mesmo tempo, da natureza do pensamento grego já fundido com a fé, Manuel II podia dizer: Não agir "com ologos" é contrário à natureza de Deus".

VIAGEM APOSTÓLICA DO PAPA BENTO XVI
A MÜNCHEN, ALTÖTTING E REGENSBURG 
(9-14 DE SETEMBRO DE 2006)

DISCURSO DO SANTO PADRE 
AOS REPRESENTANTES DO MUNDO CIENTÍFICO
E CULTURAL DA BAVIERA NA AULA MAGNA 
DA UNIVERSIDADE DE REGENSBURG

Terça-feira, 12 de Setembro de 2006

 

Rezar ao Espírito Santo

"Habitualmente rezamos a Jesus.
Rezamos a Deus, o Pai, especialmente quando rezamos o Pai Nosso.
Mas nós não rezamos tão habitualmente ao Espírito Santo, pois não ?
Ele é esquecido. Mas nós precisamos de pedir a sua ajuda, a sua força e a sua inspiração"”


Angelus de 11 de Janeiro de 2015
Papa Francisco

O pecado é o fracasso das nossas vidas

"O pecado separa-nos de Deus e quebra os laços entre a terra e o céu.
Por isso, a sua consequência é a nossa miséria e o fracasso das nossas vidas"

Papa Francisco
Angelus de 11 de Janeiro de 2015

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Aventura maravilhosa da vida


Hóstias de Louvour

«Sejamos hóstias de louvor à Santíssima Trindade.
Como?
Cumprindo a cada instante a vontade de Deus.»

Santa Teresa dos Andes | 1900 - 1920 Carta 114

Ele tem a necessidade da nossa cooperação

«O Verbo Encarnado desceu à terra
para produzir frutos que nós recebamos;
para realizar a Sua missão
em nós e no mundo,
Ele tem necessidade da nossa cooperação.»

Venerável Pe. Maria-Eugénio do Menino Jesus | 1894 - 1967
Homilias e Conferências, 13.02.1966

Cura do olhar

"O homem, como os seus próprios órgãos genitais, parece estar condenado a uma espécie de exterioridade. Nesse sentido, encontra-se fora de si, está como que fadado a um exílio. A metáfora é oportuna para mostrar que a sexualidade masculina tem uma enorme propensão a não ser amor e a fazer da mulher um objeto sexual. O homem está voltado para fora e a janela através da qual a alma do homem sai, em seu "exílio" pelo mundo, são os olhos. 
Tendencialmente, o homem é um voyeur, alguém que procura o prazer através do "ver", da visão. Por isso a pornografia é uma doença eminentemente masculina, ou seja, quem vê fotos e vídeos de mulheres nuas são homens e quem vê fotos e vídeos de homens nus, são homens também. 
O homem tende a ser um caçador, está sempre à espreita, à procura, com os olhos aguçados. Portanto, a cura do vício da luxúria, para o homem, passa necessariamente pela cura do olhar. É preciso ordenar o olhar de modo que não enxergue a mulher como um objeto
A fé se faz imprescindível nesse processo. É necessário um olhar que enxergue o sobrenatural na mulher, pois se isto não acontecer, dificilmente ela deixará de ser, para o homem, um objeto a ser conquistado; dificilmente ele a amará
 
Prefácio a livro sobre "Teologia do Corpo"

Hodie


Na Basílica dos Mártires, reparo que a cruz que segura na mão tem gravada a palavra "Hodie" — uma das lendas em torno deste santo é a de que terá sido tentado por um corvo que gritava "Cras! Cras!" ["amanhã!" em latim] numa tentativa de adiar a sua conversão ao cristianismo. Em resposta, Expedito terá dito: "Hodie! [hoje!]"

domingo, 4 de janeiro de 2015

A obediência equipara-se ao martírio da decapitação

"«A perfeição do religioso consiste, segundo S. Boaventura, na renúncia à própria vontade que é de tal valor e mérito que se equipara ao martírio pois se o machado do verdugo faz rodar por terra a cabeça da vítima, a espada da obediência imola a Deus a vontade que é a cabeça da alma»
 
As nossas regras são uma mina inesgotável para o Céu (...).
Contra a obediência, com efeito, não há senão pecado e imperfeição; sem ela, os actos más excelentes desmerecem; con ela o que não está proibido chega a ser virtude, o bom faz-se melhor.
Introduz na alma todas as virtudes, e uma vez introduzidas conserva-as», multiplica os actos do espírito, santificando todos os momentos da nossa vida; nada deixa à natureza, senão tudo a Deus.
O Divino Mestre, segundo a bela expressão de San Bernardo, «tomou em tão grande estima esta virtude que se fez obediente até à morte, querendo antes perder a vida do que a obediência".
 
"O Santo Abandono", Página 17.
Dom Vital Lehoday 

Etiquetas

Arquivo do blogue